Gado? Só ouvindo “Chifre em Braille” pra saber!

Composição de Tierry é o mais novo lançamento de Léo Pires. Faixa e filme chegam nesta sexta em todos os aplicativos de música e canal do YouTube

Ele é um verdadeiro colecionador de hits e “Chifre em Braille” promete ser mais um! Tierry esbanjou talento na caneta para o mais novo lançamento de Léo Pires.
A faixa faz parte do projeto audiovisual “Essencial”, gravado em junho deste ano, na Casa Bossa, dentro do luxuoso Shopping Cidade Jardim, em São Paulo. “Essencial”, com a direção geral da Dream, trouxe 14 faixas e as participações estreladas de Naiara Azevedo e Ícaro & Gilmar e de Tierry. A produção musical é de Gabriel Lolli.

Divertida e engraçada, “Chifre em Braille” é uma forma lúdica para falar sobre traição. Claro que com Léo Pires e Tierry juntos, o resultado não poderia ser diferente.

“É uma música que brinca, em todos os sentidos, com algo que está mais na cara do que tudo, mas que de tão na cara a pessoa não quer ver, não quer acreditar. ‘Chifre em Braille’ foi amor à primeira vista, um lado bem brincalhão meu que precisava estar impresso no DVD. Ter esse presente do Tierry foi uma honra, algo que, sem dúvidas, nunca vou esquecer. Já era fã e me tornei ainda mais”, diz Léo Pires.

Assista aqui https://youtu.be/asphYvr-Qx8

De “Essencial” já nasceram “Estupidamente Gelada”, que soma quase quatro milhões de views, além de “Pacote Ficante”, com quase três milhões.

“É um momento muito bonito da minha carreira, onde estou conseguindo mostrar a minha arte para todo o país. Só tenho a agradecer a cada visualização, a cada palavra de carinho, cada sorriso nos shows que realizo”, diz o cantor que é um dos convidados da consagrada label “Violada Chora, Me Liga”, comandada por João Bosco & Vinícius.

Nascido em Sorocaba, interior de São Paulo, Léo Pires vive a música com intensidade. Descoberto recentemente pela Dream – o primeiro escritório em arquitetura de sonhos do mundo -, viu a sua história mudar do dia para a noite. Ele, que almejava os palcos, realizando shows em bares e casas noturnas, voou diretamente para a concorrida Casa Bossa para gravar o primeiro DVD. Em uma noite reservada apenas para amigos e familiares, Léo Pires interpretou 14 faixas se consolidandode forma definitiva na indústria fonográfica. Mas, ele queria mais! Sonhava em levar suas canções para os quatro cantos do país de forma gratuita. Foi assim que nasceu a ideia da aquisição de um motorhome. Hoje, é com ele que Léo viaja por todos os lugares, principalmente em regiões afastadas, proporcionando alegria, felicidade e entretenimento.

“Penso que grande parte das coisas acontecerem de forma tão surpreendente seja exatamente por isso. A música não é um sonho. A música é uma verdade que irei viver para o resto da vida”, encerra Léo Pires.

Por: Elisangela Evangelista | Vena Comunicação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *