Bicampeão Paralímpico Rufino enfrenta Touro Cafú em Desafio Solidário na 39ª Festa do Peão de Boiadeiro de Dourados

Desafio do Bem: Rufino busca superar limites em prol do Hospital de Amor

Créditos: Arquivo Pessoal

O renomado atleta Rufino, bicampeão paralímpico na canoagem e medalhista olímpico, está prestes a enfrentar um desafio emocionante e de tirar o fôlego na 39ª Festa do Peão de Boiadeiro de Dourados, Mato Grosso do Sul. Rufino, um verdadeiro exemplo de superação, irá encarar o temível Touro Cafú, da Cia WF, no “Desafio do Bem”, no dia 8 de outubro.

A expectativa é que este enfrentamento épico seja não apenas um teste de coragem e habilidade, mas também uma oportunidade de fazer o bem. Se Rufino conseguir superar o desafio, a renda gerada durante o evento será integralmente revertida para a Associação de Apoiadores do Hospital de Amor, contribuindo assim para a implantação do Hospital de Amor em Dourados.

Rufino, nasceu em Eldorado, Mato Grosso do Sul, é uma inspiração para todos. Desde jovem, ele enfrentou desafios que moldaram sua incrível jornada de determinação. Aos 21 anos, um acidente o deixou paraplégico, mas Rufino não permitiu que isso definisse seu destino. Em vez disso, transformou essa adversidade em combustível para perseguir seus sonhos e se tornar um dos atletas paralímpicos mais notáveis do Brasil.

Rufino é movido por uma paixão profunda por rodeios e pelo mundo dos animais desde os seus primeiros dias. Antes do acidente que o deixou paraplégico, ele era peão de rodeio, mergulhado na adrenalina das montarias e na conexão única com os animais.

Sua história é um testemunho da transformação de sua paixão inabalável em uma jornada de resiliência e superação. Hoje, Rufino continua a compartilhar sua devoção pelo rodeio e pelos animais, enquanto inspira outros a enfrentar obstáculos com coragem e determinação.

O “Desafio do Bem” na 39ª Festa do Peão de Boiadeiro de Dourados promete ser um evento inesquecível, onde a coragem de Rufino se unirá ao espírito solidário da comunidade para fazer a diferença na vida daqueles que mais precisam.

Com entrada franca, todos estão convidados a testemunhar essa luta épica e se juntar a Rufino nesta nobre causa. Sua presença e apoio serão inestimáveis para o sucesso deste desafio, que não só envolve a montaria em touros, mas também o compromisso com a ajuda ao próximo.

Por: Amanda Galdino

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *